m12 2018
CIDADE DE DEUS
A conquista do território
São Paulo, Terça-feira, 21 de Agosto de 2018
igreja em celulasvisão celulas
Esboço para célula
27/02/2018
Hoje houve salvação nesta casa

Lucas 19: 1 a 10

Ao lermos esta passagem bíblica com os olhos espirituais, ou seja, o Espírito Santo de Deus revelando-nos o que há por trás de cada situação, podemos entender como Jesus apresenta-se para salvar aos homens.

Zaqueu representa o homem natural, que ainda não teve uma experiência com Deus, que tinha sua profissão, que era bem-sucedido, que tinha uma vida comum, exatamente igual a tantos homens e mulheres espalhados por toda a terra.

Quantos destes homens e mulheres já não ouviram falar de Jesus, através de um amigo “crente”, da televisão, das revistas, principalmente nestes últimos anos, onde a pregação do Evangelho de Jesus Cristo tem crescido muito e o aumento do número de cristãos “evangélicos” tem despertado a curiosidade da imprensa, dos estudiosos das ciências sociais, dos cientistas, dos psicólogos, enfim, de toda a humanidade.

 

Jesus Cristo morreu por nós na cruz há mais de dois mil anos, ressuscitou dentre aos mortos e porque está vivo, continua salvando vidas. Vi uma reportagem dizendo: Estamos vivendo em uma época onde a ciência está tão avançada, onde o homem tem encontrado respostas racionais para tantas questões, mas o “fenômeno” Jesus Cristo continua crescendo e o número de discípulos deste “profeta misterioso” aumentando a cada dia.

Só tem um erro nesta reportagem, Jesus não era apenas um profeta, Ele é o Filho do Deus vivo, Ele é o único caminho de salvação, Ele é a resposta para os anseios da humanidade.

O momento atual não difere muito deste tempo retratado em Lucas 19, aonde a figura de Jesus atraía multidões de curiosos, de acusadores, de seguidores de todo tipo de homens e mulheres, aonde Jesus aparecia como uma figura “misteriosa”, despertando questões como: “Quem é este que fala que é o filho de Deus, quem é este que faz o mar se acalmar, e a tempestade obedece a sua voz? Quem é este que anda sobre as águas? Quem é este que faz os cegos enxergar e os paralíticos andar? Quem é este que ressuscita os mortos? “

O que podemos entender através da vida de Zaqueu o publicano, é que ele se destacou como alguém que não se conformava em ver Jesus como toda uma multidão o via. Ele não se intimidou com os obstáculos, ele pensou, planejou e agiu, assim também devemos fazer a cada dia diante dos desafios da vida.

Zaqueu esforça-se para vê-lo perfeitamente! Como era de baixa estatura, era ainda mais difícil enxergá-lo. Podemos imaginar que Zaqueu embora fosse um rico e bem-sucedido cobrador de impostos deveria estar cheio de anseios de paz, de amor, poderia ter complexos e feridas de alma em função da baixa estatura, enfim Zaqueu aqui retrata a condição natural de todo homem e mulher sem Jesus.

Zaqueu, porém, teve um diferencial, não permitiu que seus limites o impedissem de ver o mestre, não se conformou com a situação de impossibilidade, pelo contrário, esforçou-se sobremaneira, subindo em uma árvore para vê-lo por inteiro. Faça como Zaqueu, lute pelos teus sonhos, não se acomode diante das dificuldades, pelo contrário, corra e conquiste!

E qual a recompensa para este homem que busca Jesus, que se esforça para vê-lo como Ele realmente é, sem que seus limites ou uma multidão o atrapalhe? Esta multidão pode representar as forças contrárias que dizem: “é tudo mentira”, “estes crentes são fanáticos”, “Jesus é um falso profeta”. Haverá uma multidão de obstáculos para aquele que quiser ver Jesus de fato, mas há também uma recompensa.

A recompensa é: O olhar direto de JESUS chamando-o pelo nome e dizendo: “Rápido Zaqueu, tenho pressa em entrar em sua casa”.

Nesta declaração a Zaqueu, Jesus revela que tem pressa em salvar as pessoas. Jesus só está procurando no meio da multidão, homens e mulheres que O busquem de todo o seu coração, com toda a sua força, para recebê-Lo com alegria.

Em Apocalipse 3: 20 Jesus diz: Eis que estou à porta e bato. Se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e com ele cearei e ele comigo.

Esta passagem em Lucas 19 mostra que Jesus não procura “os bonzinhos” ou algum tipo específico de homens e mulheres, e sim os que o buscam de todo o coração. Zaqueu como cobrador de impostos devia ter roubado a muitos, porém no momento em que a presença poderosa e santa de Jesus entrou em sua casa, ele arrependeu-se imediatamente e neste momento dá-se início ao Plano de Salvação de Deus para ele. (Leia Romanos 10, 9 a 12)

No texto de Lucas que lemos hoje Jesus disse: “ Hoje veio a salvação a esta casa, porque este também é filho de Abraão” “Pois o filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido”.

Faça o apelo dizendo que hoje cada um dos que estão na célula pela primeira vez são como Zaqueu, que se esforçaram para ver Jesus, por isso Ele os chama pelo nome e os salva.

Haverá salvação nesta casa hoje!

 

Ore por todos e invista na comunhão!

 

 

 

 
Imprimir
 
Compartilhe:
 
Comentarios:
 
TV IACC

Broadcast live streaming video on Ustream

Programação ao vivo

<p>- Domingo: 09:30hs e 18hs - Culto da Fam&iacute;lia<br />
&nbsp;</p>

 

Cultos anteriores | Canal de Videos

Redes Sociais
 Compartilhe:
 

IGREJA APOSTÓLICA CORPO DE CRISTO MINISTERIO PENHA - Tel: 2957-0551 -Email: iacc@iacc12.com.br - Endereço: Rua intiguçu 2601 - São Paulo SP Todos os direitos reservados - 2005 - 2013 - Webdesign